quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Abriu a SF Gateway

Recebi ontem mail de confirmação que a SF Gateway acaba de abrir. Trata-se de um agregador de autores e livros de SF clássicos, com liks para onde se podem adquirir em formato ebook.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Milhares de autores de ficção científica clássica em ebook

A SF Gateway vai abrir este Outono, e vai publicar milhares de livros clássicos de ficção científica e fantástico. Para quem quer completar a sua colecção de Asimov, Heinlein, "Doc" Smith, Niven, Silverberg, Harrison, e tantos  outros, ou para quem ainda não teve a oportunidade de os ler, fiquem de olho. Eu, por mim, não vou perder -> já assinei a newsletter deles e tudo.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Acabei de ler...

Robopocalypse: A Novel de Daniel Wilson.

Este livro conta a história da tentativa de extermínio da humanidade levada a cabo por máquinas. Mas não são exterminadores implacáveis, mas carros, elevadores, aviões...
Este é um daqueles livros que não se consegue pousar enquanto não se chega à última página.

Pode comprá-lo aqui. Existe em papel e em versão ebook.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

A não perder!


A excelente série a passar agora na HBO, Game of Thrones, baseada nos livros A Song of Fire and Ice de George R.R. Martin. Ou ''As Crónicas de Gelo e Fogo''  publicados em Portugal pela editora Saída de Emergência.
Não se trata de uma imitação rasca do Senhor do Anéis, mas uma história cheia de traições e manobras políticas. Sem feiticeiros, anéis mágicos e exércitos fantasma...
Esta é uma das melhores adaptações de um livro para TV que já vi!

sábado, 28 de maio de 2011

Sonata de Supernovas

O que acontece se atribuirmos uma nota músical a cada uma das supernovas visíveis da Terra durante um período de três anos?
A Sonata de Supernovas.
Foi o que fizeram dois astrónomos, Alex Parker da Universidade de Victoria e Melissa Parker da Universidade de Santa Barbara. Para o conseguir usaram dados do telescópio Canada-France-Hawaii que detectou 241 supernovas entre Abril de 2003 e Agosto de 2006. O vídeo mostra cada explosão por ordem cronológica em que cada segunde corresponde a duas semanas.


Alex Parker

Polaroids de Blade Runner

A actriz Sean Young, Rachel em Blade Runner, a obra-prima de Ridely Scott, colocou no seu site oficial um conjunto de fotos dos bastidores do filme tiradas com uma máquina Polaroid.
Para ver mais clique aqui.



quarta-feira, 18 de maio de 2011

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Legend of Galactic Heroes




Legend of Galactic Heroes é a grande saga de Space Opera anime. Duas potências dividem a galáxia numa guerra interminável: o Império Galáctico (criado à imagem da Prússia e Império Germânico do Sec. XIX) e a Aliança dos Planetas Livres (cujo modelos são os EUA). Nessa guerra entrecruzam-se as histórias de diversas personagens, desde os principais motores dos acontecimentos históricos aos simples soldados e civis a tentar sobreviver e entender o seu mundo. Uma história brilhante, personagens incríveis, uma animação decente, entre a média boa das produções japonesas fazem desta longa série (110 episódios!) um must para qualquer fã de Space Opera.

Nunca tendo sido publicada fora do Japão, tem, no entanto, um culto crescente. Tem distribuição "pirata" na Net com legendagem dos fãs. A tradução e legendagem da série principal é, regra geral, cuidada e em bom inglês. Das séries secundárias (Gaiden) é muito má: o inglês do tradutor é deficiente. Mas fica a intenção. De qualquer modo a série principal é muitíssimo superior às secundárias.

Foi uma das minhas grandes surpresas agradáveis dos últimos anos.

quarta-feira, 30 de março de 2011

sábado, 26 de março de 2011

sexta-feira, 11 de março de 2011

Philip K. Dick no cinema

Philip K. Dick é um daqueles autores de ficção científica cujas histórias imploram para ser transformadas em filmes. Este autor é perito em brincar com a realidade, com o que acontece e com o que nós, leitores, pensamos que está a acontecer.
Normalmente as histórias não são adaptadas directamente, os argumentistas capturam os ambientes, emoções e algumas cenas que aparecem nos livros mas não tocam nas histórias propriamente ditas.
O grande exemplo disto é Blade Runner. Os argumentistas David Peoples e Hampton Fancher e o realizador Ridley Scott apenas usaram os nomes das personagens e o ambiente do livro "Do Robots Dream Of Electric Sheep?" para o filme. Por exemplo, no livro, o protagonista, Rick Deckard era casado e tinha alguns animais robóticos, o que não acontece no filme.
Mas adiante, este artigo vem na sequência da estreia em Portugal do último filme baseado numa história deste autor, Adjustment Bureau. O título português é: Os Agentes do Destino (WTF?!?)
Deixo aqui alguns dos filmes baseados em histórias do mestre Philip K. Dick...

Blade Runner


O filme da vida de muito boa gente (incluindo da minha), a estética é simplesmente irrepreensível, a história agarra o espectador e não há nenhum erro de casting.
Este filme é responsável pelo movimento cyberpunk em que se tenta capturar a estética do filme e a  alienação e solidão que a tecnologia causa.
Este foi o primeiro grande papel de Harrison Ford depois de Star Wars, a New Hope.



Total Recall


Em português chama-se "Desafio Total". É baseado no livro "We Can Remember it for you Wholesale" e conta a história de um agente secreto que já não se lembra que o é. Passa-se na colónia humana em Marte que é explorada por um bando de mafiosos.
"Give these people air" é a frase mais conhecida que é gritada por Arnold Schwarzenegger, o protagonista, com aquele "inglês germânico" típico.
Apesar de ser posterior a Blade Runner, a estética e os efeitos são dignos de um filme série B. Ainda assim é um filme muitíssimo divertido de ver.



Minority Report

Um dos poucos filmes em que o título é o mesmo da história que lhe dá origem, conta a história de um futuro em que os crimes são detectados antes de acontecerem. O filme foi realizado por Steven Spielberg e tal como em todos os filmes de Spielberg, no fim, vivem todos felizes para sempre. O protagonista é Tom Cruise.



A Scanner Darkly


Este é um dos filmes mais fiéis à história de Philip K. Dick. Conta os dilemas e desventuras de um polícia que está infiltrado numa rede de tráfico de droga.
Os protagonistas são Keanu Reeves, o senhor Matrix, e Robert Downey Junior, o Homem de Ferro.
Este filme usa uma técnica em que depois de filmadas as cenas com os actores humanos, as imagens são transformadas em animação 3D usando um computador.



Paycheck

Este filme, realizado por John Woo, conta a história de um engenheiro que descobre como é que a tecnologia funciona e depois é pago para se submeter a um processo em que a sua memória é apagada para que não consiga transmitir esses conhecimentos a outras pessoas.
Tal como outros filmes deste realizador, também Paycheck foi transformado num filme de acção que é considerado pela maioria dos fãs de Philip K. Dick a pior adaptação de uma história deste autor. O actor principal, Ben Affleck, também não ajuda nada...



Impostor

Um cientista cria uma arma infalível que dará à humanidade vantagem na guerra interminável que trava contra invasores extraterrestres.
Faz lembrar um pouco "O Candidato da Manchúria", porque o vilão não sabe que o é. Com Gary Sinise, o inspector Mac Taylor de CSI Nova Iorque.

Just This Last Job


Por: Filip Novy
País: República Checa
Original aqui.

terça-feira, 8 de março de 2011

A evitar...

...o filme Skyline.
É uma história que vai buscar muito aos relatos de raptos de pessoas por extraterrestres, mas aqui em vez de serem episódios esporádicos, os raptos são feitos em larga escala. Infelizmente, tal como em 2012, a história foi construida para os efeitos e não o contrário.
Os actores são maus (estou a ser simpático) e a falta de coerência é de tal forma grande que o último quarto do filme demorou 4 horas a passar!


A que é que cheira o espaço?

Apesar do espaço ser essencialmente vácuo, os astronautas que regressam para as respectivas naves e para a estação espacial internacional falam num cheiro intenso que emana dos seus fatos espaciais.
Dizem que este cheiro se parece muito com uma mistura de gasolina queimada, metal em fusão e churrasco.
Segundo cientistas que estudaram este fenómeno, o aroma deve-se à combustão que ocorre dentro das estrelas. Nesta reacção são produzidos hidrocarbonetos aromáticos policíclicos. Estes compostos estão presentes em quase tudo o que povoa o espaço como cometas, meteoritos e poeira espacial. Mas também se encontram no petróleo, carvão e na comida.
Outra razão para que o cheiro seja especialmente forte no nosso sistema solar é o facto de ser muito rico em carbono e pobre em oxigénio.



segunda-feira, 7 de março de 2011

O nosso Sol está zangado


Isto apareceu nas notícias, mas aqui podem ver em alta definição.

Genéricos de 4 séries de ficção científica antes e depois

Uma das coisas mais importantes de uma série de TV, seja de que tipo for, é o genérico. Isto porque é o BI daquilo que se quer transmitir ao telespectador. Um bom genérico faz uma série.
Tal como a forma de se contar a história, também os genéricos são fruto da época em que foram feitos. Como hoje em dia os remakes estão na moda, veja aqui os originais e depois as versões modernas:

Battlestar Galactica

As aventuras de Apollo, Adama e Starbuck marcaram os anos 80 e o genérico cheio de penteados esquisitos e muitas miniaturas. Era do mais avançado que se fazia naquela altura...


... a versão moderna usa um método de filmagem muito parecido com um vídeo caseiro em que a câmara e a lente nunca estão quietas. O Starbuck é uma mulher (vá-se lá saber porquê), e os personagens que antes era heróis livres de qualquer pecado agora são gente como nós. Cheios de vícios e defeitos.


Doctor Who

Provavelmente a série de Ficção Científica que há mais tempo passa nas TVs de todo o mundo. O primeiro episódio foi emitido em 1963. Há um abismo entre o genérico original e as séries dos anos 2000, como seria de esperar.


Star Trek

Não foi feito nenhum remake da série original de Star Trek, aquela com Kirk e Spock, mas consegue ver-se a evolução da série original para a Next Generation dos anos 90.


Em Next Generation as palavras são as mesmas, mas ditas de uma forma muito mais calma por Sir Patrick Stewart.


V
Toda a gente já sabe que os V são lagartos que vieram para conquistar a humanidade. Esta minisérie de sucesso do anos 80 tinha um genérico... estranho...


...a nova série não tem genérico, por isso aqui fica o promo...

terça-feira, 1 de março de 2011

AT-ATs redesenhados

Os AT-AT que apareceram no episódio V de Star Wars, O Império Contra Ataca são excelentes para fazer brincadeiras. Vejam só os redesenhos de alguns designers.


Mais aqui.

A ler...

Metro 2033 de Dmitry Glukhovsky.
Esta é a história que deu origem ao jogo vídeo com o mesmo nome.
Passa-se em Moscovo no ano 2033, depois de uma guerra que obrigou os sobreviventes a refugiarem-se no metro da cidade. Agora, para além da radiação e dos animais mutantes há uma nova ameaça que pode acabar de vez com a humanidade.
Edições Gaialivro

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

EVE Online

Já pode ser consultado o novo dev blog referente a Incarna, em http://www.eveonline.com/devblog.asp?a=blog&bid=860 . Finalmente vamos poder esticar as pernas. Bom jogo para todos.

Leitura recomendada pela revista Locus

O número deste mês da revista Locus, uma das mais antigas publicações dedicadas à literatura de Ficção Científica e Fantasia (o link directo está na lista de sites na coluna da direita), inclui a lista dos melhores livros do ano de 2010:

Yarn, Jon Armstrong (Night Shade Books)

Surface Detail, Iain M. Banks (Orbit; Orbit UK)

Directive 51, John Barnes (Ace)

Chill, Elizabeth Bear (Ballantine Spectra)

Hull Zero Three, Greg Bear (Orbit US)

CryoBurn, Lois McMaster Bujold (Baen)

The Passage, Justin Cronin (Ballantine)

Zendegi, Greg Egan (Night Shade Books; Gollancz)

Zero History, William Gibson (Putnam; Viking UK)

Feed, Mira Grant (Orbit)

Starbound, Joe Haldeman (Ace)

Sleepless, Charlie Huston (Ballantine)

Brain Thief, Alexander Jablokov (Tor)

The Dervish House, Ian McDonald (Pyr; Gollancz)

Terminal World, Alastair Reynolds (Gollancz; Ace)

Birdbrain, Johanna Sinisalo (Peter Owen)

Blackout / All Clear, Connie Willis (Ballantine Spectra)

Qualquer um destes títulos é um forte candidato ao prémio Hugo.
Se quiser ver a lista completa que inclui livros de fantasia e "short stories" clique aqui.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Detroit quer estátua de Robocop

O grupo do Facebook dos apoiantes da iniciativa de erigir uma estátua de Robocop, o protector (imaginário) da cidade de Detroit já conseguiu angariar 50000 dólares, cerca de metade do dinheiro necessário e um terreno perto da estação de comboios central da cidade.
Só falta mesmo escolher a frase para o pedestal.
Que tal qualquer coisa como:
"Dead or alive, you're coming with me!"

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

14 Empresas de filmes de Ficção Científica

No universos dos filmes de Ficção Científica são criados produtos e empresas que servem enquadrar as histórias ou são a razão pela qual tudo acontece.
Aqui estão alguns logos destas empresas imaginárias.

Weyland Yutani - Aliens
A empresa para a qual Ripley, a heroina da história, trabalha. É uma mega-empresa com vários interesses mas cujo os "core business" são a mineração e a terraformação. A empresa é gerida por Charles Bishop Weyland.

Kwat Drive Yards - Star Wars
Lembram-se dos cruzadores e dos TIE Fighters imperiais de Star Wars? São fabricados pela Kwat Drive Yards. Como o nome indica, esta empresa está sediada no sistema Kwat e é gerida pela mesma família desde os tempos da Primeira República.



Encom - Tron
A empresa responsável pelos jogos que aparecem em TRON. Pertence a Flynn o herói do primeiro filme.



REKALL - Total Recall
A empresa que vendia os sonhos em Total Recall.




Incom Corporation - Star Wars
Está para a rebelião como a Kwat Drive Yards para o império. Fabrica os caças A-Wing, Y-Wing e X-Wing.



Zorg Industries - O Quinto Elemento
A empresa dirigida por Jean-Baptiste Emmanuel Zorg, o vilão do filme que quer ajudar a entidade malévola a destruir a humanidade.





Corellian Corporation - Star Wars
A criação mais conhecida desta empresa é, nada mais, nada menos, o cargueiro YT-1300. Isto talvez não diga muito, mas se disser Millenium Falcon já talvez se lembrem.





OCP- Robocop
A empresa que quer tomar conta da cidade de Detroit e que também criou quem acabou por destruí-la, Robocop.






InGen - Parque Jurássico
A empresa que tentou ressuscitar os dinossauros e que criou o parque.



Resources Development Administration - Avatar
A empresa mineira responsável pela quase destruição de Pandora.



Soylent Corporation - Soylent Green
"Soylent Green is people!"
Esta empresa de "reciclagem" ajudava a alimentar os habitantes de um mundo superpovoado retratado neste clássico.




Cyberdyne Systems - Terminator
O fabricante de Skynet o sistema de computadores que acabou por quase destruir a humanidade nesta série de filmes.



Tyrell Corporation - Blade Runner
"More human than human. That's our motto." É a descrição dada por Elder Tyrell, dono da empresa. Esta mega-corporação fabrica os robots biológicos para várias aplicações. Quando fogem, são caçados pelos Blade Runners.


MNU - District 9
A empresa que gere com mão de ferro o bairro de lata onde vivem os extraterrestres que ficaram presos no nosso planeta depois da sua nave ter avariado enquanto sobrevoavam a África do Sul.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Giger Bar

Há pouco tem escrevi sobre os filmes de Ficção Científica do anos 80 que mais me influenciaram. Entre eles estava Aliens de Ridley Scott em que os Aliens foram desenhados por H.R. Giger.
O que não sabia é que Giger também desenhou alguns bares com motivos que fazem lembrar bastante a estética de Aliens.
Hoje em dia existem apenas dois na Suiça, em Chur e em Gruyéres que abriram em 1992 e 2003 respectivamente.

O GIger Bar de Chur, Suiça


Se alguma vez andarem por aqueles lados dêm lá um salto para ter uma pequena amostra do que Ripley sentiu nos filmes...

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Vamos dar uma voltinha?

Imagem de Astronomy Picture of the Day

A nuvem verde chama-se Hanny's Voorwerp que é holandês para Objecto de Hanny. Tem o tamanho da nossa Via Láctea. O brilho verde é devido à ionização de átomos de oxigénio.

Colecções de livros de Ficção Científica desaparecidas

Há um tempo para tudo. É o que se costuma dizer. Ao longo dos anos foram aparecendo e desaparecendo colecções de livros editadas em Portugal que levaram a Ficção Científica a todos os aficcionados que não tinham possibilidades de ler os originais.
Ficam aqui algumas.

Colecção Argonauta

Editada pela editora Livros do Brasil, durante anos esta foi a única colecção de livros de Ficção Científica  em Portugal. Pelas suas páginas passaram autores como:
Cliford D. Simak, Robert Heinlein, A. E. Van Vogt, Brian Aldiss, James Blish, Frederick Pohl, Ray Bradbury, Philip José Farmer, Anne Mccaffrey, Isaac Asimov, Philip K. Dick, Murray Leinster, Gordon R. Dickison, Bob Shaw, Poul Anderson e Arthur C. Clarke entre muitos outros.
A colecção Argonauta teve um total de 562 títulos. A maior parte foi traduzida pelo saudoso Eurico da Fonseca que foi também um dos primeiros jornalistas de tecnologias portugueses com seu suplemento de computadores do jornal A Capital que saía todas as sextas-feiras. Foi também Eurico da Fonseca que comentou na RTP a chegada do homem à Lua em 1969.

Imagem do blog de Paulo Guinote. A Educação do meu Umbigo


Colecção Ficção Científica Publicações Europa-América

A outra referência no género. Estes livros foram editados quase sem interrupções durante os anos 80. Por aqui passaram muitos grandes autores deste género como: E.E. 'Doc' Smith ou Robert Silverberg. Mas foram as adaptações de guiões de cinema e de séries de TV que fizeram grande parte do sucesso destas edições. Lembro a série Battlestar Galactica, que foi o número 1 da colecção, ou o Choque de Titãs.





Colecção Nébula
Esta colecção também editada pelas publicações Europa-América era dedicada  um público um pouco mais exigente porque eram quase livros "hardcover", maiores e com um fabrico um pouco mais cuidado.
Ainda se encontram livros à venda desta colecção.


Muse

Uma das bandas do momento. Talvez seja uma das mais "sci-fi" da actualidade.
Vejam só a letra de "Uprising" do CD "The Resistance"


A ler...

Forbidden The Stars (The Interstellar Age Book 1)

Este livro de Valmore Daniels conta a história da descoberta, por acaso, da tecnologia que permite viajar mais depressa que a luz e de todas as manobras feitas por várias organizações para serem as primeiras a usá-la.
É agradável de ler, mas não é uma obra-prima.
O segundo volume está previsto para o verão deste ano.


quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Top 20 de filmes de Ficção Científica dos Anos 80

Como ser humano nascido em 1969, os anos 80 foram a altura da minha adolescência em que consumi os meus primeiros títulos de Ficção Científica. Agora, com mais de 40 anos, aqui está a lista em jeito de top 20 dos filmes de Scifi que mais me influenciaram a mim e muitas outras pessoas durante os  anos de teenager.


20. Tron (1980)
A ideia de alguém entrar para dentro de um computador, numa altura em que a Internet e os computadores pessoais ainda eram uma miragem, era estranhamente apelativa. Outro aspecto era cultura dos jogos vídeo que estava a despontar naquela altura e que ainda tinha uma inocência que se perdeu nos dias que correm.



19. O Predador (1987)
Eles andam no meio de nós há milhões de anos a caçar-nos por desporto. Esta é, basicamente, a história do Predador. Se misturarmos aqui a montanha de músculos que se chama Arnold Arnold Schwarzenegger isto transforma-se num banho de sangue. Como diz o Predador numa das últimas cenas do filme: “Shit Happens!”



18. Cocoon (1985)
Mais extraterrestres. Desta vez não são monstrengos mas sim seres de luz que estão nuns casulos, daí o nome.
Uma história muito querida passada na Florida.



17.  ET (1982)
“ET phone home”... Esta seria, talvez a mais cara chamada telefónica de sempre!
Este foi o primeiro filme que me emocionou num cinema. É a história de um extraterrestre que fica na Terra e depois vai viver com uma família tipicamente americana dos anos 80.
A cena da bicicleta de Elliot a voar à frente da Lua cheia é um clássico.



16. Alien O Oitavo Passageiro (1980)
Uma das obras primas do cinema de Ficção Científica. Este filme de Ridley Scott foi realizado com meios que hoje não chegavam para um realizador de uma qualquer telenovela de segunda categoria. Ainda assim, o “Mestre” Scott conseguiu fazer um dos filmes mais assustadores de sempre. Os monstros desenhados H.R. Giger ajudam e de qua maneira!





15. Extreminador Implacável (1984)
Um dos filmes que lançou a carreira do senhor governador Schwarzenegger que apesar de ter uma estética de filme série B, tem uma história que põe o miolo a funcionar de uma forma nunca dantes conseguida. Este filme conta a história de um robot assassino que é mandado para o passado para matar a pessoa que o vai derrotar no futuro. Tudo isto gera um grande número de paradoxos que eu e os meus amigos tentámos resolver. Sem sucesso...



14.  Ghostbusters (1984)
A ideia de ter quatro tipos a correr atrás de fantasmas que ameaçam a cidade de Nova Iorque é qualquer coisa!
Ainda assim é um filme muitíssimo divertido. A ambulância convertida em carro anti-fantasma é fantástica!



13. Robocop (1987)
“Dead or alive. You’re coming with me!” É a frase que o policia morto e devolvido à vida sob a forma de robot define o personagem principal.
Este filme passado numa Detroit do futuro tomada de assalto por uma empresa corrupta que tem uma data de mafiosos a soldo. O robot-polícia Murphy chega para salvar o dia. Um dos filmes saídos do génio do realizador Paul Verhoeven.



12. O Abismo (1989)
Uma base submarina fica isolada do mundo exterior. Os seus ocupantes são salvos por uma raça de seres extraterrestres que vivia na vizinhança.
Este foi um dos primeiros filmes que mistura imagem 3D com imagem real. O realizador foi James Cameron. Está tudo dito!



11. 2010. O Ano do Contacto. (1984)
A continuação de 2001 do mestre Kubrick.
Neste segundo volume uma missão conjunta entre americanos e russos é enviada a Júpiter para ver o que aconteceu à nave Odissey que lá ficou anos antes. Não chega ao génio e ao perfeccionismo de Kubrick, ainda assim é divertido de ver.



10.  Akira (1988)
O filme de animação japonês. Aliás “O Filme” japonês de animação antes de Ghost in the Shell. Conta a história de Tetsuo, um rapaz que tem poderes e começa a descobri-los a pouco e pouco.
A história é fantástica, o traço é perfeito.



9. Star Trek: A Ira de Khan. (1982)
O segundo filme de Star Trek é a continuação de um episódio da série original . A tripulação da Enterprise encontra, por acaso, o planeta onde Khan, um super-homem criado através de engenharia genética caiu com o seu povo.
A ideia principal do filme resume-se à velha máxima que diz: A vingança serve-se fria...



8.  A Mosca (1986)
Um filme de David Cronenberg. Conta a história de um senhor que inventa um sistema de teletransporte e quando o experimenta há uma mosca de entra para dentro do aparelho com ele. A experiência é bem sucedida, mas o ADN dele funde-se com o do insecto. Um dos primeiros filmes de Jeff Goldblum, que mais tarde ficou conhecido pela participação em Parque Jurássico e Dia da Independência.



7. Fuga de Nova Iorque (1981)
John Carpenter no seu melhor. Um filme série B típico em que um herói de guerra é chamado para salvar o presidente dos EUA cujo avião caiu na ilha-prisão de Manhattan. Um dos primeiros papéis de Kurt Russel.



6. The Last Starfighter (1984)
Uma máquina de jogos vídeo é usada por uma raça alienígena para descobrir o herói que a vai salvar.
Uma história simples. Também um dos filmes pioneiros na utilização de gráficos 3D.




5. Mad Max 3. Para Além da Cúpula do Trovão (1985)
A terceira parte das aventuras de Mad Max. Esta foi a série de filmes que lançou a carreira de Mel Gibson. Neste filme pós-apocalíptico, Mad Max tem que salvar um grupo de crianças. Tina Turner também entra.



4. Wargames (1983)
Outro filme focado em tecnologia. Um jovem descobre um computador que só quer jogar jogos. Mal ele sabe que este computador controla o arsenal atómico do EUA. O primeiro grande papel de Matthew Broderick.



3. Regresso ao Futuro (1985)
Um cientista maluco inventa uma máquina do tempo.
Este é o ponto de partida para esta série de filmes pensados por Steven Spielberg com Michael J. Fox. Talvez uma das séries mais divertidas de ver de sempre.



2. O Império Contra-Ataca (1980)
O segundo filme da saga Guerra das Estrelas, para muitos o melhor de todos. Neste filme, Luke Skywalker fica a saber que Darth Vader é seu pai e no processo perde uma mão. A cena do campo de asteróides é simplesmente fantástica!



1.  Blade Runner (1982)
Talvez o filme que tenha visto mais vezes de todos os que aparecem nesta lista. Também é o filme que lança as raízes para o movimento Cyberpunk. Conta a história de Rick Deckard (Harrison Ford) um polícia “Blade Runner” que é chamado para matar vários robots biológicos fugidos que são liderados por Roy Batty (Rutger Hauer).
Esta obra-prima foi realizada pelo mestre Ridley Scott que para tal usou alguns cenários e adereços de Aliens de forma a manter as filmagens dentro dos orçamentos. A música é de Vangelis no que é, provavelmente, a melhor banda sonora que ele jamais escreveu.
A impressão de nostalgia e de solidão são de tal forma fortes que este é o único filme que nos faz ter saudades do futuro.
“All those moments will be lost in time. Like tears in rain.” São as últimas palavras de Roy Batty ao morrer.


Battlestar Galactica Online

Já está em open beta o jogo browser f2p Battlestar Galactica Online. Para efectuar o vosso registo, basta ir a http://beta.battlestar-galactica.bigpoint.com/ , e escolherem entre os Cylon ou os Coloniais. Bom jogo para todos.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Trailer de Insanely Twisted Shadow Planet

Trata-se de um jogo de Michel Gagné que já tinha sido responsável por uma série de curtas metragens que apareceram no canal Nicklodeon em 2005.

O primeiro trailer de Terra Nova

A nova série de Steven Spielberg, Terra Nova, vai estrear em Maio nos EUA mas já tem um trailer. Vejam-no aqui e salivem!


It's a Trap Trailer

A terceira parte da trilogia original de Star Wars no universo de Family Guy.


Um vídeo time lapse do céu nocturno.


Alma Timelapse, Atacama Desert from Shannon McDonahue on Vimeo.

Este vídeo foi gravado no deserto de Atacama no Chile por José Francisco Salgado, um astrónomo do observatório ALMA (Atacama Large Milimiter/submillimiter Array)

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Game of Thrones

Com estreia marcada para Abril no canal HBO. a série Game of Thrones, baseada nos livros de " A Song of Ice and Fire" do escritor de fantasia George R. R. Martin, relata as lutas dinasticas entre familias nobres pelo controlo do Trono de Ferro de Westeros. Por cá ficamos a aguardar esta estreia.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

As novas séries de ficção científica e fantasia que podem aparecer nos ecrãs ainda este ano

As cadeias de TV lançam os episódios piloto durante a primavera ou logo após o verão para tomar o pulso do mercado em relação a novos formatos e séries que depois estreiam no outono e no inverno.
Este post serve para mostrar algumas das ideias que foram apresentadas às direcções das várias cadeias e que podem vir a aparecer num ecrã perto de si durante o ano de 2011 ou no início de 2012.

ABC

Pilotos confirmados

Hallelujah
A cidade de Hallelujah está no meio de uma guerra entre o bem e o mal até ao momento em que aparece um estranho que vai tentar restaurar a fé dos habitantes.

Once Upon a Time
Um miúdo chega a uma cidade onde as histórias de encantar são realidade. Esta história vem dos mesmos argumentistas de Lost e Tron: O Legado.

Poe We
Edgar Allan Poe é um detective que anda pela Américas do século XIX a resolver crimes.

The River
Esta história foi criada pelo mesmo argumentista de Actividade Paranormal e é sobre um famoso apresentador de televisão que desaparece no rio Amazonas. A família vai à procura dele e encontra inúmeros fenómenos paranormais pelo caminho.

Séries com possibilidade de chegaram a pilotos

AKA Jessica Jones
Esta é uma história baseada numa série de livros de BD de nome Alias que contam a história de um super herói falhado que trabalha como detective privado num mundo cheio de pessoas com poderes.

Being Erica
Uma adaptação de uma série canadiana com o mesmo nome e tem como trama as aventuras de uma mulher que pode viajar pelo tempo e corrigir os erros passados.

Incredible Hulk
Não, não estou a falar do jogador do FCP, mas sim do tipo verde com mau humor que na maioria das vezes não sabe em que está a descarregar a sua raiva. Esta série terá a chancela de Guillermo del Toro.

Patient Zero
Esta série será baseada no livro de Jonathan Maberry e conta a história do detective Joe Ledger que se junta a uma organização secreta chamada Department of Military Sciences que lida com as ameaças que não podem ser combatidas com meios tradicionais como por exemplo uma arma que transforma toda a gente em zombies.

Supermom
Esta mãe descobre um super fato que lhe dá super poderes.

True Lies
Uma adaptação do filme de James Cameron “A Verdade da Mentira”.


CBS

Séries com possibilidade de chegaram a pilotos


Grave Sight
Baseado nos livros de Charlein Harris, a mesma que criou Sookie Stackhouse a de Tru Blood. Nesta história Harper Connely consegue descobrir o último sítio onde esteve uma pessoa que morreu e sentir os seus momentos finais. Esta série será produzida por Ridley Scott e Tony Scott.


The Wild Wild West
Por Ron Moore, de Battlestar Galactica, é um reboot da série dos anos 60 com o mesmo nome que está cheia de gadgets e máquinas a vapor.



The CW

Séries com possibilidade de chegaram a pilotos

Awakening
A relação entre duas irmãs durante uma invasão de zombies.

Chole
Uma vigarista morre e é devolvida à vida soba forma de uma “agente secreta divina”.

Heavenly
Um advogado junta-se a um ex-anjo (WTF?!?) para gerir uma organização de ajuda legal. O advogado salva os corpos e o anjo salva as almas...

Raven
O personagem da DC Comics. Raven é filha de um humano e de um demónio e tem a capacidade de ler as emoções e de descobrir os seus segredos.

Secret Circle
Um teenage descobre que a sua mãe é bruxa.


Fox

Pilotos confirmados

Alcatraz
Da mente de J.J. Abrams. Um grupo de prisioneiros e guardas despareceram da ilha-prisão há 30 anos para reaparecer na actualidade.

Locke & Key
Uma família muda-se para uma casa cheia de portas supernaturais. De Steven Spielberg.

Terra Nova
O episódio piloto vai para o ar nos EUA em Maio deste ano. Conta a histório de um grupo de colonos que vai do futuro para a era dos dinossauros.

Touch
De Tim Kring, o mesmo argumentista de Heroes. Conta a história de um homem que descobre que o seu filho autista e mudo consegue prever o futuro.


Séries com possibilidade de chegaram a pilotos

Magical Law
Uma série que se passa num mundo onde o sobrenatural é a realidade. Conta as histórias de um grupo de advogados e polícias que têm que lidar com seres fora do normal e fenómenos de magia.

Smokers
As aventuras de um conjunto de heróis que têm o objectivo de eliminar ameaças extraterrestres no espaço.

Splitting Adams
Um série em que uma mulher está pendurada entre realidades: numa ela é uma procuradora, na outra é uma mulher que está a ser julgada.

NBC

Pilotos confirmados

17th Precinct
As aventuras de polícias que têm que lidar com crimes sobrenaturais.

Grimm
Uma série policial passada no universo das histórias dos irmãos Grimm.

Wonder Woman
O reboot da Mulher Maravilha. Que saudades da Linda Carter...

Séries com possibilidade de chegaram a pilotos

Dark Tower
A série que resulta da adaptação dos livros de Stephen King.

Echelon
As aventuras de uma organização chamada GHOST (Global Hierarchical Observation Strategy Taskforce) que investiga ocorrências sobrenaturais.

Emerald City
O Feiticeiro de OZ em Nova Iorque.

Ghost Angels
Uma rapariga começa a ver pessoas mortas que a ajudam.

Guardians
Anjos da Guarda que vivem entre nós mas que estão disfarçados de empregados do Starbuck’s.

Mars Direct
Uma série sobre a primeira viagem a Marte.

The Munsters
Uma série do mesmo criador de Pushing Daisies. É um remake de uma série dos anos 60 que conta a vida doméstica dos monstros.

Rest
Nesta série um workaholic toma uma droga experimental que elimina a necessidade de dormir.

Sand Men
Uma equipa de “polícias dos sonhos” entram nos seus sonhos para o ajudar a combater os pesadelos.

Zombies versus Vampires
Dois polícias, um dos quais é vampiro são destacados para uma equipa que resolve crimes cometidos por zombies.